20 maio 2010

Irã pode cancelar acordo nuclear caso a ONU aprove novas sanções, diz parlamentar iraniano


É pessoal, estava na torcida para que esse acordo resultasse em alguma coisa, mas os negativos são poderosos, querem cumprir a agenda a todo custo, nem se importam mais em fingir "ser bonzinho". Enquanto não houver uma invasão ao Irã, eles não sossegam. 

Beijinhos

Ravena

20/05/2010 - 12h07
Do UOL Notícias* 

Em São Paulo


O Irã pode cancelar o acordo nuclear firmado com o Brasil e a Turquia caso o Conselho de Segurança da ONU aprove novas sanções ao país, disse um parlamentar iraniano nesta quinta-feira (20). "Se (o Ocidente) emitir uma nova resolução contra o Irã, nós não vamos nos comprometer com o acordo de Teerã e o envio de combustível para fora do país será cancelado", disse o parlamentar Mohammad Reza Bahonar à agência de notícias iraniana Mehr.
Somente três dos 15 países do Conselho de Segurança da ONU estão reticentes quanto a uma nova resolução contra o Irã por seu programa nuclear, o que implica que existe uma maioria a favor das sanções, indicou nesta quinta-feira o chefe da diplomacia francesa, Bernard Kouchner. Dos 15 países do Conselho de Segurança, cinco são membros permanentes (EUA, Reino Unido, França, Rússia e China) e dez são membros rotativos (Áustria, Bósnia Herzegovina, Brasil, Gabão, Japão, Líbano, México, Nigéria Turquia e Uganda).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentário anônimo não será mais publicado devido a inúmeras discussões sem o menor sentido que alguns sem sintonia nenhuma no blog insistem em discutir com o objetivo de tumultuar o espaço que é feito para complementar e compartilhar informações e opiniões (não ofensas), a identificação também facilita o "diálogo".