01 junho 2010

Israel se prepara para interceptar outro navio humanitário

Enquanto o Irã é perseguido, Israel (protegido dos EUA) continua fazendo o quer, ontem foi o estopim para aquilo que eu acredito que causará um grande problema mundial e irá escancarar as guerras que estão disfarçadas pelo mundo.

Abraços
Ravena

Israel se prepara para interceptar outro navio humanitário

Apesar da condenação internacional à operação que causou a morte de ao menos nove ativistas a bordo de embarcações com ajuda humanitária para a Faixa de Gaza, Israel afirmou que se prepara para impedir o acesso do navio irlandês Rachel Corrie, cuja chegada a Gaza está prevista para entre hoje e amanhã. A informação é do jornal espanhol El País.

Em declaração à rádio do exército, o vice-ministro da Defesa de Israel, Matan Vilnaí, assegurou que o país "não permitirá que se rompa o bloqueio a Gaza", apesar do ocorrido com a Frota da Liberdade.

Nove pessoas morreram e quase 40 ficaram feridas no ataque aos seis navios que formavam a Frota da Liberdade, que levava ajuda humanitária a Gaza e foi abordada pelo exército israelense em águas internacionais na madrugada de segunda-feira.

Países aliados e inimigos fizeram duras críticas ao governo de Israel pelo ataque. É a primeira vez que o premiê Benjamin Netanyahu, que chegou ao poder em março de 2009 após a formação de uma coalizão de direita, enfrenta uma onda de críticas desta magnitude da opinião pública de seu país, após uma de menor intensidade em março após a pior crise diplomática com os EUA em décadas.

Fonte: Notícias Terra

Entenda o ataque


A Marinha de Israel atacou nesta segunda-feira (31) uma frota de seis embarcações com ativistas pró-palestinos que tentavam furar o bloqueio à faixa de Gaza e entregar suprimentos à região. O ataque deixou no mínimo nove mortos.

Segundo ativistas, os barcos estavam em águas internacionais, a mais de 60 quilômetros da costa.

Os barcos, organizados pela ONG Free Gaza, levavam 750 ativistas e cerca de 10 mil toneladas de suprimentos para a faixa de Gaza.
Imagens da TV turca feitas a bordo do barco turco que liderava a frota mostram soldados israelenses lutando para controlar os passageiros.
As imagens mostram algumas pessoas, aparentemente feridas, deitadas no chão. O som de tiros pode ser ouvido.
A TV árabe Al-Jazeera relatou, da mesma embarcação, que as forças da Marinha israelense haviam disparado e abordado o barco, ferindo o capitão.
A transmissão das imagens pela Al-Jazeera foi encerrada com uma voz gritando em hebraico: "Todo mundo cale a boca!".

A frota de seis embarcações havia deixado as águas internacionais próximo à costa do Chipre no domingo (30) e pretendia chegar a Gaza nesta segunda-feira (31).

Israel havia dito que bloquearia a passagem dos barcos e classificou a campanha de "uma provocação com o intuito de deslegitimar Israel".
O porta-voz do Exército israelense, general Avi Benayahu, afirmou que o ataque contra a frota humanitária pró-palestina aconteceu em águas internacionais.

"O comando agiu em alto mar entre 4h30 e 5h, horário local, a uma distância de 70 a 80 milhas (130 a 150 km) de nossa costa", afirmou o general à rádio pública.

Fonte: Uol

5 comentários:

  1. Oi Ravena,

    Gostei muito do seu post, eu estava escrevendo um para o meu blog, aproveitei o seu e acrescentei no meu pra "engrossar o caldo".
    Obrigado por sua "voz"!

    Beijos!

    Anthonio Magalhães

    ResponderExcluir
  2. Defendo totalmente o que Israel fez, estavam avisados e não cumpriram. sabemos quem domina a Faixa de Gaza (Hamas - grupo islamico terrorista)
    Pena so terem morrido uns 30, podiam ter limpo todos e afundado os barcos

    ResponderExcluir
  3. Nessa energia quem está se afundando é você anônimo.

    ResponderExcluir
  4. não sei não, olha esse video, esta muito claro que a tripulação "bateu primeiro" http://www.youtube.com/watch?v=gYjkLUcbJWo&feature=player_embedded

    mas devemos analisar o contexto, nao só os fragmentos das imagens, nós nunca saberemos a conversa comandante-militares antes dos acontecimentos...

    ResponderExcluir
  5. EU FICO ME PERGUNTANDO,SE ESTAVA A EMBARCAÇÃO EM ÁGUAS INTERNACIONAIS,NÃO PERTENCIA SÓ ISRAEL,COM QUE DIREITO O PAÍS SAI MATANDO??ONDE ESTÁ OS ESTADOS UNIDOS A ONU E OUTROS PAÍSES QUE NÃO GRITARAM PARA EVITAR ESTA MATANÇA??TEM QUE FAZER PARAR ISRAEL OU QUALQUER OUTRO PAÍS!!!ELE VAI SE METENDO,A PODEROSO,ONDE ESTÁ O DIREITO DE IR E VIR??QUE DESATINO QUEM NINGUÉM FAZ ISRAEL PARAR?ISRAEL É QUERIDINHO POR QUE??QUAIS OS PAÍSES QUE CONCORDAM??

    ResponderExcluir

Comentário anônimo não será mais publicado devido a inúmeras discussões sem o menor sentido que alguns sem sintonia nenhuma no blog insistem em discutir com o objetivo de tumultuar o espaço que é feito para complementar e compartilhar informações e opiniões (não ofensas), a identificação também facilita o "diálogo".