05 maio 2011

Doutrina do Choque (The Shock Doctrine)

A utilidade da crise

Só uma crise real ou percebida, produz uma mudança real, quando essa crise ocorre, as ações que se tomam dependem das idéias que rondam por aí.

...em 11 de setembro de 1973, com o general Pinochet na liderança do exército, começou o ataque ao Palácio Presidencial (no Chile).

Invasão no Iraque

Ataques aéreos tão devastadores que os soldados de Sadam não lhes ficará a vontade de lutar. A idéia é uma chuva de bombas tão forte, citado como "Choque e Pavor".

Em um dia a Força Aérea e a Marinha lançaram 300 a 400 mísseis de cruzeiro contra objetivos no Iraque. Mais do que os que se lançaram nos 40 dias de toda a primeira Guerra do Golfo.

Harla Ullman é um dos autores do conceito de "Choque e Pavor" no qual se baseia o uso de um grande número de "armas guiadas de alta precisão". Então tem este efeito simultâneo semelhante às armas nucleares em Hiroshima que não tomam dias ou semanas, senão uns minutos...

...acaba com a cidade, ou seja, despoja-se de eletrecidade, de água e começa uma impecável campanha de desgaste ao fim de 2, 3, 4, 5 dias está física, emocional e psicologicamente esgotada.

...à noite, a uma milha de centro de Bagdad parecia o inferno na Terra.

...o Iraque tinha o melhor sistema educativo da região. 89% dos iraquianos sabiam ler e escrever. No Novo México, 46% da popolução era analfabeta funcional.

São três diferentes tipos de choque

Choque da Guerra seguido pelo Choque econômico e como resitência a a transformação econômica, o choque da execução, incluindo tortura.

...em 2003 quando começou a gerra no Iraque, para cada 100 soldados havia 10 mercenários...em 2007 havia no Iraque mais mercenários do que soldados...

...em 2004 os EUA tinha indemenizado os mercenários frente a qualquer lei iraquiana, assim atuavam fora da lei como na prisão de Guantanamo...

...o terrorismo é os Estados Unidos...

...é isto a que me refiro com a "doutrina do Choque", o saque sistemático da esfera pública depois de um desastre.

Quando a população está demasiado focada na emergência, nas suas preocupações diárias, para proteger os seus interesses.

...Estamos assistindo a uma transferência de riqueza de tamanho inconmensurável. Trata-se de uma transferência de riqueza desde mãos públicas, desde as mãos do governo, recolhida da gente, através dos impostos para as mãos dos indivíduos e empresas mais ricas do mundo. Não necessita dizer que, são as mesmas pessoas e empresas que criaram a crise.

...talvez o primeiro ato de resistência é negar-se a permitir que a nossa memória coletiva seja apagada.


Faça a diferença! Absorva as informações que lhe caem no colo, juntos somos fortes e quanto mais Consciências Conscientes mais fortes somos e mais difícil fica enganar, controlar, manipular. 


Bom vídeo! 
Ravena

5 comentários:

  1. gostariamos de fazer parceria com o seu blog ravena, somos um grupo de divulgação das mais variadas informações, vitais pra evolução na conciencia na terra, nosso grupo se espalha pelo twitter, orkut, facebook, e agora rescentemente criamos um blog, vou deixar os endereços abaixo caso voces queiram entrar em contato conosco
    resistacontraosistema.blogspot.com
    http://www.orkut.com.br/Main#Profile?rl=mp&uid=11291389964048956540
    http://twitter.com/resisthesystem
    http://www.facebook.com/profile.php?id=100002357994335
    aguardamos contato, abraço.

    ResponderExcluir
  2. Isso Rave!
    Faz muito sentido tudo isto.
    Não deixemos nos enganar por estes púglias que acham que somos imbecis.
    Não somos, somos aqueles que sacodem as estruturas para que o seu reinado esteja no fim.
    Façam o que quiserem, esperneiem, pois os dias destes estão contados.
    A Doutrina do Amor desbancará a Doutrina do Mal, do choque.
    Beijos....

    ResponderExcluir
  3. Impressionante, nunca havia visto por este angulo, achava que havia alguma ligação, mas não conseguia ver tão claramente, com "nome e sobrenome"...Obrigada!

    ResponderExcluir
  4. Mas peças para nosso quebra cabeça que já está praticamente montado... Excelente vídeo Ravena, não consegui parar de ver até o final.Enfim, já sabíamos que éramos colônia dos EUA, mas visto por esse ângulo,vemos com nitidez, como manipulam sordidamente a política mundial.O tempo deles sim já está esgotado! Esperemos para ver a queda...

    ResponderExcluir
  5. Resistência, já nos falamos...rs...Seja bem vindo! Grande abraço



    Dan, é isso aí meu amigo, só conscientes podemos alavancar mudanças. Beijão




    Simone, esse documentário é realmente fantástico, conseguiram ligar os pontinhos, permitindo ver uma imagem da história quase completa em termos de manipulação política, guerras, desastres, etc...Beijão



    Lú Bressani, terminamos de assistir de boca aberta não é mesmo?! Quanto mais pessoas enxergarem a imagem, mais podemos operar mudanças. Grande beijo

    ResponderExcluir

Comentário anônimo não será mais publicado devido a inúmeras discussões sem o menor sentido que alguns sem sintonia nenhuma no blog insistem em discutir com o objetivo de tumultuar o espaço que é feito para complementar e compartilhar informações e opiniões (não ofensas), a identificação também facilita o "diálogo".