13 março 2012

Especialistas acreditam ter encontrado obra inacabada de Da Vinci - De novo?




De novo? Virou festa agora, vão encontrar tudo que é obra de Da Vinci ou de seus pupilos "escondidos" por aí? Monalisa assinado com o 666 (que representa o Solleia meu comentário) e agora uma obra que retrata a guerra, uma "loucura bestial"? 


Esquisito tudo isso. Vamos aguardar para ver qual será o próximo "achado".


Beijos


Ravena


Especialistas anunciaram nesta segunda-feira em uma coletiva de imprensa em Florença, capital da Toscana, que acreditam ter encontrado rastros de uma obra inacabada que atribuem ao gênio italiano do Renascimento Leonardo da Vinci.

Estes rastros foram encontrados graças a microcâmeras colocadas através de uma obra do pintor Giorgio Vasari, que se encontra no famoso Salão dos Quinhentos do Palazzo Vecchio, símbolo do poder da família Médici e atualmente sede da prefeitura de Florença.

Segundo os especialistas, seria a mesma tinta preta utilizada por Da Vinci para pintar a "Mona Lisa".

"São dados estimulantes, mesmo que estejamos apenas em uma fase preliminar da investigação e com muito trabalho para resolver o mistério. As provas nos sugerem que vamos por um bom caminho", disse o professor de História da Arte da Universidade de San Diego, Maurizio Seracini, que está à frente da pesquisa.

A investigação gerou controvérsia na Itália. Cerca de uma centena de historiadores assinaram um manifesto no qual denunciaram o que chamaram de "operação publicitária ao estilo Dan Browm", autor do best-seller "O Código Da Vinci".

Os historiadores também temem que as microssondas utilizadas por Seracini tenham danificado o afresco de Vasari, pintado em 1563, chamado "Batalha de Marciano".

Autoridades culturais de Florença, entre elas a Oficina das Pedras Duras, uma entidade especializada na restauração de pinturas, estão convencidas de que Vasari pintou seu afresco em cima da pintura inacabada de Da Vinci, que se chamaria "A Batalha de Anghiari".

Por enquanto não existem provas definitivas da descoberta e serão necessárias mais análises, reconheceram os mesmos especialistas.

No início do século 16, os líderes de Florença encomendaram a Leonardo, no auge da carreira, um enorme afresco celebrando a vitória da República de Florença sobre a milanesa em uma batalha ocorrida nas planícies de Anghiari em 29 de junho de 1440. Leonardo, que considerava a guerra uma "loucura bestial", retratou um grupo de cavalos e cavaleiros em uma luta furiosa.

Fonte: IG

Veja o vídeo clicando aqui


2 comentários:

  1. Pode ser que mensagens possam estar sendo enviadas através destes quadros desde a época em que foram pintados, para serem descobertos agora (programado). Talvez existam mais outros codificados e programados para serem descobertos mais para frente, passando as novas ordens a serem implantadas e seguidas. Não dá risada ein, nesse mundo, tudo pode, até mesmo o nada.
    Mas levando em consideração ao personagem e sua ligação com maçonaria e pessoas ilustres de sua época, possa ter sido um instrumento de repasse de informações para adiante no tempo.
    Sei lá, to viajando demais??? Porque não me fascina em nada estas obras...

    ResponderExcluir
  2. Comentários ofensivos e sem nenhuma relação com os temas explorados nos posts, não serão publicados. Acabou a festa para aqueles que só sabem e gostam de espalhar energia conflitante nesse espaço.

    ResponderExcluir

Comentário anônimo não será mais publicado devido a inúmeras discussões sem o menor sentido que alguns sem sintonia nenhuma no blog insistem em discutir com o objetivo de tumultuar o espaço que é feito para complementar e compartilhar informações e opiniões (não ofensas), a identificação também facilita o "diálogo".